Cinco etapas de projeto de implantação de rede Gpon com FTTH

A era da conectividade está em constante expansão. Cada vez mais residências e espaços corporativos precisam de internet forte e potente para garantir conexão em múltiplos dispositivos.

Para que isso ocorra, é necessário fazer uso de tecnologia que garanta o recebimento de uma internet robusta para atender seus usuários.

Isso já é possível graças à tecnologia da fibra óptica. Através dela, temos a possibilidade de implantar uma rede FTTH/Gpon, tecnologia que ganha força cada vez mais no mercado brasileiro.

Vamos explicar um pouco mais sobre este assunto neste texto.

Boa leitura!

 

Implantação de rede Gpon com FTTH

 

Primeiramente, é preciso dizer que a rede Gpon é a comunicação através da fibra óptica, com alcance físico que pode chegar a 20 km, que permite a adesão de uma rede de ponto multiponto. Dessa forma, garante a possibilidade de uma geração de rede FTTH.

Outro ponto importante a ser destacado é o fato de que os equipamentos utilizados não usam energia elétrica externa para seu funcionamento, o que traz economia.

Assim, podemos dizer que é uma estrutura com bastante qualidade e com um ótimo custo-benefício. Dessa maneira, é indicada para provedores que queiram destaque no mercado ao proporcionar conexões de alta qualidade aos seus clientes, podendo chegar a ultra velocidades de conexão, chamados de gigahertz.

 

 

Etapas do projeto de implantação de rede Gpon com FTTH

 

Agora que já sabemos o que é rede FTTH/Gpon, vamos conhecer um pouco mais das etapas do projeto de implantação de rede.

Inicialmente, é preciso projetar as redes visando atender também demandas futuras. Dessa forma, será possível o atendimento de mais clientes sem que seja necessária uma alteração significativa na rede construída.

 

Definição da Área de Atendimento

 

O primeiro passo do planejamento deve ser a definição da área de cobertura. Nesta etapa, são realizadas pesquisas sobre a região, levantamento sócio econômico e de ocupação.

São analisadas as regiões em que podem haver crescimento de empreendimentos, seja comercial, residencial ou industrial. Além de serem estudados os dados censitários, que ajudam a visualizar o perfil dos futuros clientes.

 

Projeto FTTH

 

A partir das informações obtidas da etapa anterior, dá-se início ao projeto tanto da rede óptica quanto da adequação elétrica.

É nesta fase em que o projeto deverá ser submetido à aprovação dos órgãos públicos para a obtenção das licenças e nas companhias de energia (Enel, EDP, CPFL) para obtenção das autorizações para lançamento dos cabos na posteação.

 

Construção da Rede Óptica

 

Ao conseguir a liberação dos órgãos responsáveis, inicia-se a construção da rede óptica. Ao mesmo tempo, o projeto é cadastrado na base de dados do provedor.

 

Testes de Aceitação

 

Ao finalizar a obra, é chegada a hora dos testes de aceitação. Nesta fase, é verificada a qualidade técnica da rede que foi construída.

 

Início da Operação

 

Após a fase de testes, há o início da operação. Com a rede totalmente aceita, o projeto é concluído e passa a ser possível a comercialização dos serviços pela área comercial.

 

A tecnologia FTTH/Gpon é uma das grandes tendências para o futuro. Por isso, vale a pena conhecê-la melhor e investir nela.

Esta gostando do conteúdo? Compartilhe!

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on telegram
Share on linkedin